Archive for fevereiro, 2008

Qual a dificuldade?

quinta-feira, fevereiro 7th, 2008

O amor, seja lá como isso pode ser chamado, é uma coisa danada sô! Durante um momento de reflexão intercalado por um bate-papo no MSN e umas olhadas na internet, eu acabei vendo o quanto ele está na vida das pessoas e as diversas formas que ele existe.
Veja lá que está na moda esse negócio de mulher mais velha “pegando” rapazes com carinha de neném, veja por Ana Maria Braga (que antes casou com Madrulha em 3999 mil igrejas), Suzana Vieira, e lá vai fumaça. Enquanto essas e muitas outras mulheres vão à luta, nós, reles mortais, ficamos por aqui debatendo a vida e os amores. E pensando qual a forma correta de dizer pra um moço que estamos com saudades e queremos muito visita-los. Ou então, por outra, temos medo de chegar a um rapaz de nem tão pouca idade assim, e falar que a verdade é uma só: Quero você! Que mal há nisso? Pergunte ao orgulho e ao coração.

Deixa eu voltar aos meus dilemas
Tchau.

Fingi na hora de rir

terça-feira, fevereiro 5th, 2008

Hoje eu quis brincar de ter ciúme de você
Mas sem porque meu coração me avisou que não
Fingi na hora de rir
Talvez por aqui estar tão longe de você pra te dizer

Aquilo que eu temia aconteceu ou foi só ilusão
Você manchou nós dois e desbotou a cor de um só coração
Ou anda sozinha, me esperando pra dizer coisas de amor

Pois eu, eu só penso em você
Já não sei mais porque
Em ti eu consigo encontrar
Um caminho, um motivo, um lugar
Pra eu poder repousar meu amor