Nada além de mim… Pois é!

Parte de onde eu estou indo é saber de onde eu vim
Eu não quero ser nada além do que eu tenho tentado ser ultimamente
Tudo que eu tenho que fazer é pensar em mim e ter paz de mente
Eu estou cansado de olhar em torno de quartos pensando no que eu tenho que fazer
Ou quem devo ser
Eu não quero ser nada além de mim

[Gavin De Graw]

2 Responses to “Nada além de mim… Pois é!”

  1. Celeste Teixeira Silva Says:

    Iza,

    Procurando no Google um texto do qual só sabia um pedaço, achei seu blog. Tudo por acaso, embora digam que acaso não existe…
    Aí resolvi explorar por curiosidade e quase não saio do computador para ir trabalhar. É uma cachaça, principalmente quando encontramos uma página boa (como a sua).
    Enfim, pela sua paixão por poesias tão evidente, eu lhe pergunto: quem é um autor que fala mais ou menos assim: “poderia viver sem um amor, mas não sobreviveria sem meus amigos…” Diga que sabe, vai!
    beijos

  2. Silvia Odete Morani Massad Says:

    I’m not positive the place you are getting your information,
    but great topic. I must spend a while studying more or
    understanding more. Thank you for wonderful information I was in search of this information for my mission.

Leave a Reply