Hoje à noite ao admirar o luar
Percebe que estou triste
E que todos os sorrisos do dia não foram de alegria
Apenas um foi fiel ao sentimento de felicidade
Foi o que se manifestou não apenas nos meus lábios
Mas no fundo dos meus olhos ao ver tua foto
Teu sorriso e teu mistério
Foi o que confortou por ler tuas palavras
Então, é certo ou errado admirar um desconhecido?
Admirar pela beleza que está escondida no encanto do olhar cheio de brilho e interrogações
E afinal, o que é o certo e o que é o errado?

Hoje à noite assustei-me ao recordar
Do quanto já vivi, do quanto já sorrir, e do quanto já sofri…
A escuridão da noite me deixa estranhamente bem
Porque penso em pessoas que nunca vi
Penso em caminhos que nunca percorri
E almejo desejos ilimitados!!

Quem disse parte do que eu quis dizer foi: Indiara

2 Responses to “…”

  1. Jojo Says:

    ahaahaha . As vezes acho engraçado a gente não precisar de falar as coisas.

  2. Silvia Odete Morani Massad Says:

    Simply wish to say your article is as amazing.
    The clarity in your post is simply nice and i could assume you’re an expert on this subject.

    Well with your permission allow me to grab your RSS feed to keep up to date with forthcoming post.
    Thanks a million and please continue the rewarding work.

Leave a Reply