Ainda musicando…Sempre que eu puder!

Sim, assunto repetido, porém aproveito o esquecimendo do post anterior, para consertar aqui e dar uma enfase maior sobre o assunto, que vira e mexe eu paro pra pensar e, na maioria das vezes chego até me revoltar, mas não vejo muita solução não.
Contando a trilha sonora da minha vida, eu acabei esquecendo umas coisas interessantes, como o fato do meu tio (já falecido) ter sido baixista de uma banda bem conhecida aqui em Santos, o Bisex, e que eu adorava as músicas e lembro até hoje de alguns trechos, e eu tinha 4 anos quando ele morreu. Além da história da música, tanto ele quanto eu, sempre gostamos muito de leite condensado cru, era um vício e toda vez que ele vinha nos visitar trazia uma lata, na desculpa que era pra mim, mas ele sempre acabava comendo. Não lembro bem do seu rosto mais, só um pouco do cabelo e uma forte lembrança de uma tatuagem de coração azul que ele tinha na mão. Gostaria de fazer uma pra prestar essa homenagem.
O meu avô Orlando (pai desse tio citado acima), também já falecido, é outro que era exatamente como eu, não conseguia sobreviver sem um rádio, sem música. Ele teve vários discos de vinil, que eu lamento não saber onde essas preciosidades foram parar. Não comprava carro se não tivesse som, e conforme ele ia ficando cego (a doença piora com o tempo), ele ficava mais em casa, e como minha vó é meio (inteira) chata, ele passava a maior parte do seu tempo trancado em um quarto ouvindo som, se não tava ouvindo é porque tava comendo ou dormindo.
Além dessas duas coisas que falei aí, e que tenho maior orgulho eprazer em contar, eu também gosto de relembrar minha infancia, que também estámuito relacionada a música.
Quando eu era pequena existia graças a Deus, o Balão Mágico. Sempre com grandes ensinamentos e participações de nomes como Djavan, Baby Consuelo (ou Baby do Brasil), Pelé, Toquinho, Roberto Carlos, entre outros. Me lembro como se fosse hoje, a minha mãe comigo no colo dançando as músicas do Balão Mágico na maior altura em frente o espelho. Eu adorava e nunca queria parar! Dançávamos dois ou três discos (pulando uma música e outra). As letras eram (são) perfeitas, eram animadas, tinha cara de música de criança mas não soava esse ar bobinho que alguns tentam fazer hoje em dia.
No banho, eu cantava com minha mãe todas as cantigas de nenem, sei quase todas elas até hoje! Pois quando o Cauê era bebê, era eu quem ficava cantando pra ele dormir. No repertório; Boi da Cara Preta, Fui no Itororó, Bicho Papão, Se a Canoa Virar, Escravos de Jó, Cirandinha, e muitas outras.
Quando eu paro nesses momentos nostalgia, eu fico bastante preocupada com meus sobrinhos e toda essa moçada que ta nascendo agora, as músicas de criança, me desculpe, mas pra mim realmente não existe mais. Tudo piorou quando surgiu aí o tal do É oTchan e os pais achavam bonitinho os filhos descerem naboquinha da garrafa. Hoje a moda é passar cerol na mão e pegar o bonde do tigrão.
Tudo bem, a Xuxa tentou (continua tentando) e até conseguiu um pouco, a Adriana Calcanhoto lançou um CD infantil que estou querendo ouvir pra poder ter uma opinião. Mas até agora eu não vi nada que anime, ensine e cultive as crianças como Balão Mágico conseguiu nos anos 80. Por onde anda os novos Erik Vonn, Memo Mendez Gulu, Edgard Poça, Garofalo, Monti, Vicenzo Giuffré, Giannino Gastaldo?!

…Teria mil coisas a dizer, mas tô com sono então prefiro deixar uma música que pra mim, diz muito!

É tão Lindo

Se tem bigodes de foca
Nariz de tamanduá
Parece mesmo estranho, heim!
Também um bico de pato
E um jeitão de sabiá
Mas se é amigo
Não precisa mudar
E é tão lindo
Deixa assim como está
E eu adoro, adoro
Difícil é a gente explicar
Que é tão lindo.
Se tem bigodes de foca
Nariz de tamanduá E orelhas de camelo, né tio!
Mas se é amigo de fato
A gente deixa como ele está
É tão lindo, não precisa mudar
É tão lindo é tão bom de se gostar
E eu adoro
É claro
Bom mesmo é a gente encontrar
Um bom amigo
São os sonhos verdadeiros
Quando existe amor
Somos grandes companheiros
Os três mosqueteiros
Como eu vi no filme
É tão lindo, não precisa mudar
É tão lindo deixa assim como está
E eu adoro e agora
Eu quero poder lhe falar
Dessa amizade que nasceu
Você e eu
Nós e você
Vocês e eu
É tão lindo
– Tio
– Heim!
– É legal ter um amigo, né?
– É maravilhoso
Mesmo que ele tenha
Bigodes de foca e até um nariz de tamanduá
– E orelhas de camelo tio, lembra?
– Orelhas de camelo?
– É tio
– É mesmo, orelhas de camelo!
Mas é um amigo, né?
– É
– Então não se deve mudar.

6 Responses to “Ainda musicando…Sempre que eu puder!”

  1. Aura Says:

    Major thank you for that article. Really getting excited about visit our website. Awesome.

  2. limos chicago Says:

    I was just seeking this information for a while. After 6 hours of continuous Googleing, finally I got it in your web site. I wonder what is the lack of Google strategy that do not rank this type of informative sites in top of the list. Normally the top websites are full of garbage.

  3. movers packers in delhi Says:

    If some one desires to be updated with hottest technologies
    therefore he must be visit this web page and be up to date all the time.

  4. BitCoin Exchange Says:

    Thanks Again, This site is very supernatural, just what i was looking for to view on my downtime. Thanks

  5. Silvia Odete Morani Massad Says:

    Hi to every single one, it’s truly a fastidious for me to
    pay a quick visit this website, it contains important Information.

  6. Freddy Says:

    Excellent post. Keep posting such kind of information on your
    page. Im really impressed by it.
    Hey there, You’ve done an excellent job. I’ll certainly digg it and individually recommend to
    my friends. I am sure they’ll be benefited from this web site.

Leave a Reply