(…)

Estou aqui no Rio de Janeiro, ja que eu vim porque minha irma vai casar em abril e ai precisamos vir dar um help aqui pra ela com escolha de decoracoes, comidas, vestido, etc. Esta sendo super gostoso participar desses momentos com ela e de ver que isso tambem eh muito bom pra ela, sabe? Confesso que eu achei que ficaria toda romantica querendo casar, mas na verdade nao senti nada disso. Sei la, acho que estou leve e nao estou gostando de ninguem o suficiente pra querer me casar. Ou talvez eu nao seja mesmo romantica o bastante para essas coisas.

Isso acabou me fazendo pensar um pouco sobre esse assunto. hehehe

Apesar de ser uma pessoa de grande amor, de ouvir musicas e momentos que marcam esse amor. Eu nao me considero uma pessoa romantica e acho que nem teria muita paciencia pra essas coisas.

Pra comecar, nao gosto de buques de flores e muito menos caixa de bombom, ursinho ou qualquer outra coisa “fofa“. Nao curto muito essas coisinhas meiguinhas e fofinhas, vindo do homem isso pra mim se torna ainda mais patetico. Pra me conquistar o cara ganharia mais sendo criativo, com senso de humor e ligado em simbologias. Outra coisa que perde muitos pontos comigo eh demonstracao publica de afeto, ridiculo!

Sou apaixonada por musicos; ja gostei de guitarrista, baterista e agora de baixista. Mas se tem uma coisa pavorosa, eh o cara dedicar a musica pra mim em publico. Vou ficar toda boba se estivermos a sos, em um contexto que nos sabemos, e o cara tocar a musica pra mim. Mas essa de dedicar em publico me envergonha e eu acho super tosco, perco tesao total. Basta apenas um olhar cumplice, que eu saberei que a musica eh pra mim sem precisar anunciar aos quatro ventos!

Tambem nao deveria ser esperado de mim uma relacao de carinhos, abracinhos e beijinhos em publico. Eu ate gosto de carinhos e tudo, mas ja foi comprovado mais de uma vez que isso feito em publico eh involuntariamente repelido. Nao sei porque isso acontece, eh uma mistura muito louca que passa dentro de mim que eu ate “gosto”, mas rejeito.

Nao sei viver esse momentos romanticos e aquela cara patetica que as pessoas vivem quando estao juntas. Tenho a impressao que eu e meu marido perfeito viveriamos um tirando onda na cara do outro, e nossas “surpresas romanticas” mais pareceriam com armadilhas do que com outra coisa. Nao existiria diminutivos nos apelidos e sim xingamentos carinhosos.

Homem bonito, sexy e gostosao nao me da tesao nenhum. O cara tem que ser sexy sem querer ser, e ter um corpo normal e um tamanho mediano. Se nao for assim nao me atrai, nao parece homem sabe? Soa como algo sei la, intocavel, meio bizarro. Tambem nao curto homem catalogado, ele tem que ser ele, e versatile. Uma calca jeans e uma blusa esta otimo.

Alias fantasia sexual com bombeiro, policia, marinheiro, mecanico, surfista? Nada disso!! Eu morreria de rir e cortaria o clima na hora!! Fazer climinha, etc? Nao perca tempo!! Pra me agradar?

Descubra!

>Calca jeans e relogio! Soh.

6 Responses to “(…)”

  1. Daiane Says:

    Iza, vc eh completamente loka… hauhauhauahauhauha

  2. Melca Says:

    Realmente louca!
    E a insanidade me cativa… hauheuaheuahe
    Por isso que eu gosto dela!
    Tbm não sou muito tradicional nessas coisas de relacionamento… Fato!
    Beijoca! linda!
    Ps: até que enfim eu atualizei meu blog! Vai lá dps!

  3. jessica Says:

    me divirto demais com as coisas que tu escreve… realmente concordo com vc em mtas coisas

    bjoo linda

  4. Greice Says:

    CARA, como eu também detesto relacao de carinhos, abracinhos e beijinhos em publico. HÁ quem diga que eu sou FRIA. Mas meu, dá licença?! Oq tem que ser mostrado, mostre a mim! Não preciso escrever na minha testa ” estou ficando com ele” e uma setinha indicando o cara! É RIDÍCULOOO!

  5. Charla Says:

    Intriguing post , I’m going to spend more time learning about this topic

  6. BitCoin Exchange Says:

    Thanks, This site is very unimaginable, just what i am looking for to study on my time out. Thank You

Leave a Reply