Post clichê

Toda vez vivemos os mesmos clichês, as mesmas perguntas e as mesmas respostas. É o final do ano chegando, as pessoas saindo pra viajar, quase sempre indo ver fogos na praia e coisa e tal. A mesma promessa de mudança, as metas, e toda uma bebeção desnecessária! For a o branco, todo mundo se purificando com roupas brancas e por baixo colocando calcinha/cueca vermelha pra ter paixões, ou amarelo pra atrair grana!

Eu dispenso tudo isso!!!

Começa que não acredito que alguma coisa muda com o passar da meia-noite, assim como um passe de mágica. Não acredito no tal “Ano Novo” que começa dia 1º de Janeiro. Não, não, não!!!!

Acho muito fantasioso toda essa festança em torno do Ano Novo, acho idiota as pessoas acharem que passar de um ano para o outro é tomar todas, assistir os fogos na praia e ficar acordado até o sol raiar. E que, quando este sol raiar todas as coisas mudarão como um passe de mágica e que todos os problemas serão definitivamente sanados ou simplesmente deixados no ano anterior. Balela!!!

Pra mim o “ano novo” começa todos os dias, todas as horas, a cada segundo! Não é preciso colocar roupa branca, na verdade aprendi com a Marcia Okida que usar branco não é bom! E não preciso acreditar que seja necessário um ano novinho para as coisas virarem, ou pra começar a prática de algo. Na minha opinião, o Ano Novo é AGORA, já!!!

Procuro botar em prática as minhas metas na hora, no dia seguinte no máximo. Independe se é dia 1º de Janeiro ou se é dia 24 de julho. O importante é você estar proposto a amanhecer e traçar um novo rumo dali em diante. Só isso, simples e fácil.

Não consigo entender a forma que as pessoas costumam passar o Ano Novo, de verdade! Qual o propósito de começar o ano com uma puta ressaca e dormindo até as 16h? Nossa, grande maneira de se começar uma nova página!!

Por isso que eu prefiro mesmo é o Natal, não que eu goste da hipocrisia dos parentes que surgem do além dizendo que lhe ama, quando no fundo nunca lembrou da sua existencia. Nem sou a favor da tal campanha comercial em torno disso. Gosto porque é uma oportunidade que tenho de reunir minha familia completa, de estar em paz com eles e festejar por isso. Gosto por isso, não por outra coisa nenhuma.

Nesse reveillon nem sei o que vai rolar, mas pra mim o que mais interessa é estar em paz e poder passar essa “meia-noite” com serenidade e muitos sorrisos. Minhas metas? Já estou colocando em prática:

– Estudar mais
– Ler mais
– Falar menos palavrões
– Dar mais sorrisos
– Ter mais segurança
– Trabalhar minhas desconfianças
– Ser mais paciênte

Eu só quero mesmo é estar bem, com equilibrio emocional pra poder ter dias mais produtivos e a mente mais sã. O resto vai se ajeitando com base nesse equilibrio emocional.

4 Responses to “Post clichê”

  1. bru Says:

    Sabe, eu adoro o reveillon. Eu sou essa boba. Eu gosto desse ritual. Eu gosto. É quase medieval fazer isso. Usar roupas brancas, pular ondas. É a única coisa que desconecta totalmente do capitalismo, é onde existe esperança no ar. É lindo. As pessoas saem de casa, ficam na rua, viajam. Adormecem na praia! Descansam! Renovam energias! Tudo psicológico, tudo passageiro, mas eu acho simplesmente maravilhoso.

    E, você, que consegue amanhecer em 24 de Julho. É maravilhoso!

  2. Clarissa Says:

    Eu tenho medo dessa coisa toda de ano novo…
    Sério!!!
    Pq fico pensando: “nossa, um ano absolutamente em branco pela frente… ai, que pavor do que pode vir!!!”
    Isso é meio bizarro, mas é mesmo a época do ano em que me sinto mais insegura…
    Por isso me apego a uma única tradição: passar a virada com a família!!!
    Até as roupas eu ando mudando, pra ver se me tranquilizo mais fazendo algo diferente…
    Esse ano vai ser vestido colorido, com base branca (claro, não se pode mudar tudo de uma hora para a outra)!!!
    Quem sabe 2010 é melhor…
    Quem sabe…

  3. Greice Says:

    Se a gente não acreditar, o que a gente faz? Acredito que seja sim um renovar de esperanças, onde gotejamos mais otimismo do que em outra época do ano! Isso é importante! Não que as coisas vão mudar da noite para o dia… mas é o momento em que a gente se renova e semeia força/fé para tentar mudar as coisas e ser melhor!

  4. natalia freitas Says:

    incorporou o grinch total hein??? hahahaha
    vou te levar para ver o show da ivete echanté na virada para ver se não vai revigorar tudooooo!!!!!!!!!!!!!rsrs
    Te amo
    beijosss

Leave a Reply