E agora…

E aí que de repente, em meio a tantas tempestades, raios e trovões, ela resolveu permanecer de janelas abertas e portas escancaradas. Exatamente como ela disse na última carta que andou escrevendo pra ele, e deixando por aí pra ver se algum dia desses, ele lia e entendia que ela cansou de verdade de lhe dizer coisas bonitas jogadas ao vento. Agora ela tem as janelas, as portas e o coração aberto! Aliás, a boca dela entrou nessa onda e abriu um bucado de vezes pra falar e pra desenhar sorrisos nesse rosto marrento que ela adorava cultivar por aí. Ela sabia que nem todos os dias seriam de sol e que nem sempre entrariam pessoas coloridas e doces; porta a dentro. Mas ela está disposta a encarar tudo de frente e arcar com suas conseqüências. Agora ela é mais verdade do que nunca. Ela finalmente obteve o direito de ir e vir, que ela mesma lhe tomava. Agora ela assume o abraço apertado. Agora ela assume sua feminilidade pintando o rosto e assumindo uma vaidade trancada no baú a sete chaves. Agora ela enxerga com olhos mais firmes e um pouco menos atrapalhados. Agora ela sorri, é doce, e vai embora quando bem entende. As portas, as janelas, a boca, o abraço, os olhos e o coração estão todos abertos pra quem quiser entrar. Mas se cuspir no chão, meu irmão, ela tem toda a firmeza pra de pegar pelo cú das calças e te jogar pra bem longe.

3 Responses to “E agora…”

  1. Daiane Says:

    sua sua fã mulé!!!

  2. Déinha Lamego Says:

    tale taurinos ! sempre tão intensos em ações .. reações e pensamentos ! :)

  3. Khalil Says:

    procure saber sobre 5 a Seco.. é algo bem intimista e com enfase no instrumental.. acho que você vai gostar.. e
    boa resenha… me fez sentir inveja das pessoas que estavam lá..
    e piadinhas infames são sempre bem-vindas vai.. não seja má ahahahah

    beijos

Leave a Reply