Meu Querido Diário

Eu ando escrevendo pouco explicitamente sobre a minha vida e o que anda acontecendo pras bandas de cá, mas a convivência com algumas pessoas acaba interferindo nos modos de agir, e eu acabei ficando mesmo mais “subjetiva” e escrevendo meio que ironicamente alguns fatos, jogando como se não se tratasse de nada muito importante, e pouca profundidade demais é bobagem mesmo. E, além de toda essa “contaminação” que já misturou em minhas entranhas, um fato que colaborou é a falta de tempo, sabe o lance do; “viva mais e fale menos”? Pois é, às vezes é bem interessante.

Mas, como toda história tem um “mas” e o bom filho a casa torna, eis que algumas vezes calar demais entala, angustia e, não sei direito o porquê disso, preciso muitas vezes parar tudo e “vomitar” meus pequenos testamentos para que os momentos se eternizem, se exorcizem e não fique no ar como a nuvem que se desfaz em um abano. Resumidamente; se me dêem licença, eu preciso falar sobre tudo que roda dentro dessa cabecinha, nem tanto quanto antes, mas ainda sim confusa.

Finalmente a fase TCC terminou, e agora está tudo pronto e até a data e o local da apresentação já estão devidamente marcados (18 de novembro ás 10h no Anfiteatro da UNISANTA), só estou aguardando o dia chegar. As notas da faculdade ainda estão saindo e então está rolando aquele momento “respire fundo que chegarão as últimas provas”, e agora “último” nunca teve um significado tão exato, as últimas provas da nossa fase de universitário. E, paralelamente aquele preparatório de formatura, apresentação de TCC, que mesmo com todos os pesares, dão sim aquele friozinho na espinha.

Com isso, eis então que me entrego aos prazeres humanos e me jogo em diversões com amigos da faculdade em barzinhos perto do Campus, ou diversão completa com as melhores amigas do mundo em quiosque, cinema, rolidei, shopping e ainda conto com elas dormindo aqui e me proporcionando boas doses de risadas. Fazia tempo que não me acabava de rir assim com elas, e nunca nada me faz tão bem quanto a companhia de pessoa que eu amo. Seja fazendo a coisa mais tosca do mundo como ficar se maquiando e tirando foto, ou então, depois da baladinha parar em um posto às 3h da manhã pra comprar uma coca-cola de dois litros e bolinha de queijo. Sem contar em depois disso ainda acordar com sua amiga botando Mamonas Assassinas no máximo volume. Ainda, visita da irmã, almoço em familia e aquilo todo que eu sempre gostei nessa vida. E digo mais, tudo isso é impossível de se explicar em caracteres, mas é muito bom de sentir, principalmente depois de tudo que foi vivido no Stress-tcc.

Além de tudo, me aproximar de pessoas novas em todos os sentidos, tem sido muito bom também. Pouca massagem no ego é bobagem. Recebi elogios do meu TCC e da Cláudia, soube que quase fui tema de TCC de uma aluna do 3° ano, que mal me conhece. Me aproximei bastante de uma galerinha da classe que eu não falava muito, foi casualmente, mas bastante gostoso até o momento. Adicionamentos no MSN, conversas com amigos de amigas… Isso e tudo mais, têm colaborado para uns dias agitados e bem recompensadores.

Tá bom, eu não vou negar que mesmo com toda essa paparicação, eu estou paralelamente em uma fase de “carência”, em um momento onde a cabeça está pensando algumas coisas chatas, inseguranças e um monte de coisinhas que eu já esperava nunca mais ter que pensar. Mas não adianta, fase é fase e eu prefiro engolir dentro de mim até passar, como uma bufa (peido silencioso) que só eu sei, alguns até sentem o cheiro, mas ninguém nunca tem (e nem vai ter) certeza de onde e como veio.

Um pouco disso, muito daquilo, mas com lucros positivos.

“…E nem te contei
Uma novidade quente
Eu nem te contei

Eu tive fora uns dias
Numa onda diferente
E provei tantas frutas
Que te deixariam tonta
Eu nem te falei
Da vertigem que se sente
Eu nem te falei

Que eu te procurei, pra me confessar
Eu chorava de amor
E não porque eu sofria
Mas você chegou, já era dia
E não tava sozinha
Eu tive fora uns dias
Eu te odiei uns dias
Eu quis te matar

2 Responses to “Meu Querido Diário”

  1. Celly Says:

    É amore, essa vida não é facil … ainda bem q vc ta se divertindo viu ? Adoro iso 😀
    Te amo

  2. Silvia Odete Morani Massad Says:

    Thankfulness to my father who told me regarding this
    webpage, this website is really awesome.

Leave a Reply